Mucuri
Itamaraju: Élan de Lozinho grava vídeo apaziguador, mas reafirma que sua exoneração foi por pressão interna

No fim da tarde desta quinta-feira, dia 2 de abril, o fisioterapeuta Élan Wagner Chaves ‘Élan de Lozinho’, que foi exonerado do posto de secretário municipal de Saúde de Itamaraju nas primeiras horas da manhã, gravou um vídeo, quando em tom apaziguador, pontou sobre o trabalho realizado por ele e sua equipe frente à pasta, agradeceu ao prefeito Marcelo Angênica (PSDB) pela oportunidade, falou em avanços, mas confirmou que sua demissão ocorrera por pressões internas no governo municipal.

No início da tarde o ex-secretário já tinha concedido uma entrevista à Rádio Educadora -104,9 FM, quando afirmara que sua saída estava acontecendo após articulações de pelo menos dois secretários municipais [Fábia Minas (Finanças) e Dalvadísio Lima (Governo)], mas que não deixava o cargo com qualquer mágoa ou ressentimento. “Minha saída foi acertada para 31 de março, mas com o surgimento da pandemia do coronavírus, o prefeito [Marcelo Angênica) me pediu pra ficar e eu aceitei. Depois o próprio gestor me falou das pressões que estava sofrendo dos dois secretários e na noite desta quarta-feira (1) me ligou e falou da minha exoneração”, disse.

Mesmo sendo exonerado do posto de secretário municipal de Saúde, Élan Wagner Cheves continua trabalhando na Prefeitura de Itamaraju, já que ele é concurso no cargo de fisioterapeuta. Perguntado se pretende disputar algum cargo eletivo nesse ano de 2020, Élan Wagner disse que não.

Para o lugar de Élan Wagner, como já era esperado, foi nomeado Luiz Fábio Lopes Santos ‘Fábio da Minas’, que ocupava o cargo de secretário municipal de Finanças. As Finanças passam às mãos de Renato Carminatti, que estava no posto de tesoureiro. (Por Ronildo Brito)

Log in or Sign up