Mucuri
Radialista baiano é internado em estado grave com suspeita de coronavírus; Educadora FM suspende programação ao vivo

Um radialista com sintomas da Covid-19 está internado em estado grave no município de Camaçari (Região Metropolitana de Salvador), desde a última terça-feira, dia 24. Diabético, Tony Paulo que trabalha na Líder FM, segue na Unidade de Pronto Atendimento do bairro Gleba A, mas ainda não foi submetido ao teste que identifica o novo coronavírus.

Tony foi internado após apresentar falta de ar, tosse e problemas pulmonares. De acordo com informações de familiares, a previsão é que o teste seja realizado até esta segunda-feira (30). A família do radialista cobra agilidade no teste devido ao estado de saúde frágil.

Outro ponto preocupante é a diabetes, um dos principais fatores de risco para a letalidade do coronavírus. Popular em Camaçari, o radialista convive há anos com a doença.

Educadora FM

Em virtude da pandemia do novo coronavírus os gestores da Rádio Educadora (104,9 FM) de Itamaraju, optaram pela segunda semana seguida por suspender sua programação artística ao vivo, sendo transmitidos apenas os programetes produzidos em estúdio e o jornalístico ao meio dia. Nos intervalos estão sendo veiculadas campanhas de conscientização e prevenção ao coronavírus. 

“Até o nosso jornalístico ao meio dia tivemos que fazer adaptações. No estúdio somente eu e o meu filho Bruno Brito, que cuida da parte técnica e por morarmos na mesma casa, não corremos nenhum risco extra. As nossas entrevistas estão sendo feitas ao vivo pelo telefone ou através de aplicativos dos dispositivos móveis que atualmente facilitam muito. Nos meus trinta anos de rádio essa é uma situação inédita e a medida está protegendo nossos comunicadores”, diz o radialista Ronildo Brito, diretor de jornalismo e apresentador do Jornal da Educadora.

Toda emissora de rádio possui um microfone principal, pelo qual os comunicadores falam, o que aumenta o risco de uma possível contaminação. Além disso temos colaboradores que usam o transporte público e por serem muito conhecidos, são abordados pelos ouvintes. A suspensão temporária da maioria das transmissões ao vivo é também uma maneira de demonstrarmos responsabilidade neste período tão difícil para todos nós", completa Brito. (Por Elenildo Gomes)

Log in or Sign up