Mucuri
IF Baiano realizará plenária para construir Plano de Desenvolvimento Institucional em Teixeira de Freitas

O Instituto Federal Baiano, Campus Teixeira de Freitas, está construindo, junto com a comunidade teixeirense, o seu PDI - Plano de Desenvolvimento Institucional para o período de 2020 a 2024, que deve estar intimamente articulado com a prática e os resultados da avaliação institucional, realizada tanto como procedimento auto avaliativo como externo, cujos resultados dessas avaliações devem balizar as ações para sanar deficiências que tenham sido identificadas. Para o início do projeto, haverá uma plenária na terça-feira do próximo dia 7 de maio, a partir das 19h, com encerramento previsto para às 21h, no Plenário Francistônio Alves Pinto, da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas.

Para a diretora geral do Campus Teixeirense do IF Baiano, professora doutora Elen Sônia Maria Duarte Rosa, a proposta da constituição do PDI é de uma construção coletiva, que reflita as reais necessidades da comunidade, alinhadas com os objetivos e potencialidades da instituição superior de ensino. Onde o PDI deverá estabelecer um horizonte em relação ao qual deve se guiar num determinado período, refletindo a política de estado da instituição e orientando gestores, atuais e futuros, na edificação de um plano de gestão anual, voltado para o alcance de metas e objetivos definidos no Plano.

Conforme o professor doutor Joabe Jobson de Oliveira Pimentel, coordenador do Núcleo de Planejamento e Parcerias Institucionais do Campus Teixeira de Freitas do IF Baiano, a construção do Plano de Desenvolvimento Institucional, mais conhecido como PDI, junto com a sociedade local é importante e consiste num documento em que se definem a missão da instituição de ensino superior, a política pedagógica institucional e as estratégias para atingir suas metas e objetivos em favor dos municípios do extremo sul da Bahia.

Segundo ainda o professor Jobson Pimentel, abrangendo um período estabelecido, deverá contemplar o cronograma e a metodologia de implementação dos objetivos, metas e ações do Plano da Instituição de Educação Superior, observando a coerência e a articulação entre as diversas ações, a manutenção de padrões de qualidade e, quando pertinente, o orçamento. Com um quadro-resumo contendo a relação dos principais indicadores de desempenho, que possibilite comparar, para cada um, a situação atual e futura da região demandada. (Por Athylla Borborema)

Log in or Sign up