Rádio Comunitária de Lajedão sofre terceiro atentado criminoso; diretor denuncia motivação política

Da redação TH

Na madrugada desta segunda-feira, 12 de abril, por volta das 02h, a Rádio Lajedão FM, emissora comunitária, sofreu o 3º atentado deste ano de 2021. A estação havia voltado a funcionar no último dia 30 de março, após ter ficado 41 dias fora do ar, por conta de outro ataque, em que um criminoso quebrou a porta da frente, adentrou ao estabelecimento e ateou fogo.

Segundo Edvaldo Alves, diretor da Lajedão FM, está mais que evidente a motivação política dos atentados. Recentemente o radialista fez uma série de denúncias contra a atual administração municipal e acredita que este fato contribuiu para o novo atentado.

Ainda segundo Alves, no atentado desta segunda-feira (12), o criminoso veio pelos fundos da rádio, removeu algumas telhas e arremessou coquetéis molotov, uma espécie de bomba caseira feita com combustível. O fogo destruiu parte do telhado e do forro e danificou equipamentos, incluindo o transmissor.

"Lamentável o que está acontecendo em Lajedão. Mesmo após dois atentados, todo apoio popular recebido pela rádio, investigações da Polícia, apoio da imprensa e de autoridades de Lajedão e região, esses bandidos continuam desafiando a polícia e a Justiça. O sentimento é de revolta. Eu ainda acredito na Justiça, mas o que temos visto em Lajedão é um verdadeiro descrédito nos órgãos de Segurança Pública", desabafou Edvaldo Alves.

Log in or Sign up