Covid-19: Mais uma paciente de Mucuri é transferida em UTI terrestre para Porto Seguro

Da redação TH

Mais uma paciente de Mucuri, que estava internada no Hospital São José de Itabatã (HSJ), infectada pela Covid-19, foi transferida na noite desta segunda-feira, 12 de abril, para a ala específica do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro.

A mulher, de 51 anos, moradora do bairro Bela Vista, no distrito de Itabatã, foi internada com 50% do pulmão comprometido e vinha apresentando desconforto respiratório e diarreia. Ela precisou ser estabilizada no Hospital São José (HSJ) pra depois ser removida de UTI terrestre até Porto Seguro.

No momento da remoção, segundo a equipe medica de Mucuri, a paciente estava estável hemodinamicamente, mantendo saturação entre 88 a 93 por cento, mas manteve com diarreia e astenia durante a internação. Ele deu entrada no HSJ em 8 de abril, com febre, tosse, mialgia e desconforto respiratório aos esforços.

Segundo Fernando Jardim, secretário de Saúde de Mucuri, estas transferências estão acontecendo após esforços da administração municipal, especialmente do prefeito Roberto Figueiredo ‘Robertinho’, pois além da logística para a transferência, é necessário todo um processo para abertura da vaga na unidade de saúde com UTI, através da Regulação Estadual. “A cada transferência nós temos que comemorar e reconhecer o grande empenho do nosso gestor diante dessa pandemia. Os desafios são grandes, mas estamos trabalhando muito para vencê-los”, comenta.

Na manhã desta terça-feira (13), falando por telefone à reportagem, o prefeito Roberto Figueiredo, que está há menos de três meses e meio à frente da gestão municipal de Mucuri, destacou a necessidade da articulação junto à Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), para possibilitar essas ações frente ao coronavírus. Nesta época de pandemia, temos que deixar de lado todas as diferenças que podem nos afastar e concentrar esforços em favor da vida”, diz.

Log in or Sign up